Criar Redação Unidades      Instagram     Facebook     YouTube     Telefones     Contato       
Criar traz dicas para a segunda fase dos principais exames do país
sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Com questões abertas e conteúdos específicos para cada curso, provas da segunda fase dos maiores vestibulares testam os candidatos em três pontos principais: leitura, interpretação de texto e administração do tempo. O professor Luiz Claudio Jubilato, do Criar Redação, afirma que algumas atitudes nesta reta final podem garantir bons resultados aos candidatos

Apesar de o final do ano ser marcado pelas tradicionais festas e confraternizações, esse é o momento decisivo na vida dos estudantes que prestam vestibulares em todo o país. Com o fim da primeira fase e a divulgação das listas de aprovados, o período exige preparação na medida certa, dedicação e alguns cuidados dos estudantes para concretizarem o sonho de conquistar uma vaga nas mais importantes universidades do país.

Com mais de 20 anos de experiência em vestibulares, o professor Luiz Cláudio Jubilato, diretor do Criar Redação, afirma que nesta reta final para os vestibulares, os grandes inimigos são o tempo, o estresse e o cansaço. E alerta: descansar, comer bem, dormir bem. Não há aprendizagem sem esses três fatores. “Entupir-se de aulas e tarefas faz com que, na hora da prova, a vontade de passar se torne um estresse incontrolável, por isso o estudante deve pegar leve e respeitar os limites do corpo”, explica o educador.

Para Jubilato, uma forma mais divertida de aprender e se manter atualizado nesta fase sobre os principais temas, é entregar-se aos filmes, documentários, séries, revistas, blogs e sites. “Tudo isso forma o capital cultural do aluno e influencia positivamente na hora de elaborar uma resposta ou fazer uma redação. Quem se atualiza, adquire mais conhecimentos, amplia o vocabulário, lê com maior desenvoltura e, lógico, acerta muito mais questões nas provas”.

Diferente das provas da primeira fase, as avaliações de segunda fase dos vestibulares são compostas por questões dissertativas, que testam a capacidade de leitura e interpretação do aluno e exige uma melhor administração do tempo. “Para lidar bem com o tempo, o aluno deve responder estritamente ao que o enunciado pede. Por exemplo: se a questão solicitar que explique determinadas características de um personagem, não é necessário resumir toda a obra”, indica o professor Luiz Claudio.

Além disso, é importante que o vestibulando conheça bem as particularidades de cada vestibular que está prestando e que tipo exercícios ele cobra. Como existem provas específicas para cada curso, investir nessas matérias mais cobradas e fazer provas de anos anteriores pode fazer a diferença para alcançar o resultado ideal.

Criar Redação

O sistema de ensino possui 25 anos de atividade. Ao longo de sua trajetória, já atendeu mais de 20 mil alunos, sempre focado na missão de auxiliar vestibulandos a ingressarem nas mais importantes universidades do Brasil, desenvolver a criatividade dos alunos do ensino fundamental, fazer com que o desempenho no ensino médio cresça substancialmente, capacitar funcionários das empresas, profissionais liberais e aqueles que pretendem prestar concursos em várias áreas. Os resultados desse trabalho podem ser facilmente comprovados.

O Criar Redação vem batendo sucessivos recordes de aprovações nos mais importantes e concorridos vestibulares do país. Grande parte dos seus alunos obtém notas máximas nas redações de exames como os do Enem, Fuvest, Unicamp e Unesp.

 

COMPARTILHAR
  • Facebook
  • Twitter
  • Tumblr
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • RSS
Notícias
Busca
Arquivo
dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Criar Redação | www.cursocriar.com
1991-2017 © Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Netmarco.com