Criar Redação Unidades      Instagram     Facebook     YouTube     Telefones     Contato       
Criar dá dicas para garantir a aprovação no vestibular
quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Professores e ex-alunos aprovados nas principais faculdades do país revelam o que fazer para enfrentar a próxima maratona de vestibulares

Início de ano é sempre um período decisivo para os estudantes que estão se preparando para entrar na vida universitária. A cada lista de aprovados divulgada pelas instituições de ensino, a expectativa é muito grande. O momento sempre tem dois lados: clima de festa para os aprovados e desânimo para quem não ingressou em nenhuma universidade. Mas o ideal é retomar o fôlego para os estudos com um planejamento eficaz. Para esses estudantes ou para quem vai vivenciar a fase pela primeira vez, o ideal é começar por uma avaliação, que pode ser auto-avaliação ou com ajuda de professores e profissionais da educação. Especialistas do Criar – Língua Portuguesa e Redação e alunos da escola aprovados nos últimos vestibulares alertam que esta é a hora ideal para acertar os rumos em direção à vida universitária. Eles garantem: incrementar os estudos da Língua Portuguesa também deve estar no projeto de voltas às aulas, já que cada vez mais a disciplina e a Redação têm sido determinante nas aprovações, com peso maior na nota final e a redação – eliminatória na maioria dos exames

Para a professora de língua portuguesa e corretora de redação do Criar, Nádia Alves, ter o apoio de especialistas para praticar a redação ao longo do ano é uma das receitas para o estudante ter sucesso no vestibular.

Ela destaca que o método de ensino diferenciado da escola e também o apoio do corpo docente qualificado e atualizado sobre as provas das principais universidades do país fazem muita diferença para quem está se preparando. “Aqui no Criar, além de ensinar a escrever e orientar sobre os melhores caminhos para uma boa redação, os professores também indicam livros, filmes, textos e ainda dão palestras sobre temáticas que geralmente caem nas redações dos vestibulares”, comenta

Para Fernanda Stábile da Silva, aluna do Criar durante o ano de 2012, que conseguiu a nota 980 na redação do ENEM, as aulas e atividades complementares da escola determinaram o seu desempenho na prova. Fernanda garante que as aulas de filosofia e sociologia aumentaram a sua bagagem cultural, o que foi de grande valia na hora de redigir a redação. “Os professores falam muito nas aulas sobre temáticas que podem cair nas provas. Eles enfatizam assuntos do cotidiano e isso é bom porque quem faz cursinho não tem muito tempo para ler tudo o que sai na mídia”.

O curso de Língua Portuguesa também foi determinante para a aluna Letícia Araújo Tassine Penatti, nota 1000 na redação do Enem/2012. “Na prova de redação da Unifesp caiu um dos temas que eu estudei no Criar. Quando peguei a prova, o texto já estava na minha cabeça. Foi idêntico ao que fiz na aula. Isso facilitou muito na hora de escrever”, diz.

A professora Nádia comenta ainda que, no Criar, os professores também cobram muitos exercícios de texto. “Isso complementa o aprendizado”, destaca. De acordo com ela, a redação deve ser comparada com as disciplinas de exatas. Quanto maior for o treino, maior o sucesso na hora de escrever. “Nas disciplinas de exatas, se o aluno não fizer os exercícios não vai entender nada. O mesmo acontece com a redação. Se os argumentos do aluno não são colocados em prática, ele não vai concretizar as ideias do que aprendeu em sala de aula”, afirma.

A professora ainda menciona os plantões individuais como outro ponto forte no suporte para os vestibulandos. Os encontros são fundamentais para ajudar os alunos a entenderem os erros e acertos das redações. “Nos plantões individuais, os professores agem como personal trainers. Nós identificamos os erros e acertos junto com o aluno e isso faz com que o exercício fique gravado na memória dele com mais facilidade”, complementa.

Matheus Liner Martins de Souza também foi um dos alunos do Criar que se destacou nos vestibulares. Ele foi aprovado em engenharia de produção na Ufscar e Unicamp, Engenharia Mecânica na Unesp e Engenharia Aeronáutica na Fuvest. Para o estudante, os plantões serviram para fortalecer a estruturação de seus argumentos da redação, um dos quesitos em que ele apresentava mais dificuldade. “Eu não tinha muita noção de como estruturar uma redação. Aprendi tudo no Criar”, explica.

Para escrever bem

Uma boa redação exige muito treino. Quem não pratica a escrita pode ter dificuldades na hora da prova. Esta é uma das dicas valiosas da professora Nádia, do Criar Língua Portuguesa e Redação. Ela também destaca que quem quer se dar bem nas provas, com argumentos claros em relação à linguagem e boa linha de raciocínio, precisa ser consistente na argumentação e nos exemplos citados e ter uma boa concatenação entre as orações e parágrafos.

A especialista do Criar acrescenta que os corretores não utilizam critérios para aumentar as notas, mas existem critérios que podem anular todo o texto. “Um texto pode ser anulado por fugir do tema proposto, não seguir as instruções da prova e não utilizar a coletânea, quando esta for obrigatória. Se fugir do tema, a nota é zero”, alerta. Os outros critérios como coerência e coesão têm o mesmo peso. “O que mais prejudica o aluno são os erros muitos drásticos e por incrível que pareça, acontecem muito”. Os demais só reduzem a nota, mas não anulam a prova.

COMPARTILHAR
  • Facebook
  • Twitter
  • Tumblr
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • RSS
Notícias
Busca
Arquivo
fevereiro 2018
S T Q Q S S D
« nov    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728  
Criar Redação | www.cursocriar.com
1991-2018 © Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Netmarco.com